Irati e Região / Notícias

24/01/18 - 10h23 - atualizada em 24/01/18 às 10h26

Bispo da Diocese de União da Vitória volta a ser internado

Dom Agenor Girardi foi internado no Hospital São Braz, em Porto União (SC), para tratar uma infecção

Da Redação, com informações da Difusora do Xisto e Cultura Sul FM 

O bispo diocesano de União da Vitória, Dom Agenor Girardi, voltou a ser internado, de acordo com nota divulgada pelo Conselho Presbiteral da Diocese de União da Vitória, na tarde de terça-feira (23). Ele está internado no Hospital São Braz, em Porto União (SC). 

Dom Agenor já havia sido internado numa Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) no começo de janeiro, com um quadro de anemia profunda. Conforme a nota, o estado de saúde do bispo ainda é preocupante, mas ele passa a maior parte do tempo em casa, em União da Vitória. 

Ainda conforme a nota, a internação foi solicitada pelo médico para acompanhá-lo mais de perto na aplicação de um novo medicamento para conter uma infecção. A nota informa que Dom Agenor está sendo muito bem atendido por médicos e enfermeiros no hospital e, em casa, por padres, seminaristas, funcionária e que tem recebido muito carinho e cuidados de familiares. 

PUBLICIDADE

A Diocese de União da Vitória, através da nota, agradece também aos que estão unidos em corrente de oração pela saúde do sacerdote e pede que mantenham as orações pelo restabelecimento de Dom Agenor e seu retorno às atividades diocesanas. 

Girardi, de 65 anos, é o terceiro bispo da Diocese de União da Vitória. Ele foi empossado ao cargo em 2015, nomeado pelo Papa Francisco. Em 2011, havia sido nomeado bispo auxiliar da Diocese de Porto Alegre, pelo Papa Emérito Bento XVI. Dom Agenor foi ordenado padre em 1982 e foi pároco na Diocese de Palmas e Francisco Beltrão até ser nomeado bispo auxiliar. 

O bispo comanda uma diocese composta de 25 paróquias.

Dom Agenor Girardi

35 anos a serviço da Igreja 

Ordenado em 1982, Dom Agenor iniciou sua formação entre 1966 e 1970, quando cursou o ensino fundamental no Seminário Menor São José, em Francisco Beltrão. Posteriormente, fez o ensino médio na Escola Estadual Mário de Andrade, em Francisco Beltrão, entre os anos de 1971 a 1974. Formou-se em Filosofia na PUC de Campinas (SP), em 1977. Na Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, na cidade de São Paulo, entre 1979 e 1982, cursou Teologia. 

Fez sua profissão religiosa na Congregação dos Missionários do Sagrado Coração, no dia 1º de fevereiro de 1982 e foi ordenado sacerdote em 5 de setembro daquele ano por Dom Agostinho José Sartori, bispo emérito da Diocese de Palmas-Francisco Beltrão. 

Obteve a Licença em Teologia Espiritual na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma. Também fez o Curso de Espiritualidade no CETESP, no Rio de Janeiro. Em 1982. foi nomeado vigário paroquial da Paróquia de Santa Rita de Cássia em Marmeleiro. No ano seguinte, foi vice-diretor do Seminário São José, em Francisco Beltrão. De 1984 a 1988, foi diretor do mesmo Seminário em Francisco Beltrão.

Foi mestre de noviços em Pirassununga (SP), durante os anos 1991 a 1995; coordenador do CETESP (Centro Teológico de Estudos e Espiritualidade para a Vida Religiosa), no Rio de Janeiro no período 1996 a 1998 e superior provincial da Comunidade de Curitiba, de 1999 a 2001.

Foi reitor do Santuário de Nossa Senhora do Sagrado Coração, em Curitiba, de 1999 a 2001; vigário paroquial da paróquia São José, na cidade de Francisco Beltrão, de 2002 a 2009. Também fez parte do Conselho Presbiterial da Diocese de Palmas e Francisco Beltrão desde 2007.

Desde 2002, é consultor da Conferência dos Religiosos do Brasil, para obtenção de orientações espirituais e exercícios de treinamento sobre a Vida Consagrada. Em 2009, assumiu como pároco da Paróquia São José, em Francisco Beltrão. Em dezembro de 2010, foi nomeado pelo Papa Emérito Bento XVI como bispo-auxiliar da Arquidiocese de Porto Alegre.

Foi ordenado bispo, no dia 25 de março de 2011, na cidade de Francisco Beltrão, juntamente com Monsenhor Geremias Steinmetz. Já o Arcebispo Dom Dadeus Grings o designou para ser Vigário Episcopal do Vicariato de Canoas e tomou posse no dia 8 de abril de 2011, no Santuário São Cristóvão em Canoas (RS).

Em maio de 2015, foi nomeado pelo Papa Francisco como bispo diocesano de União da Vitória, e foi empossado em 12 de junho de 2015.


Comentários

Enquete

Você acha que existe um grande número de pessoas que recebem aposentadoria sem ter contribuído o suficiente?

  • Não
  • Sim
Resultados