Futebol / Esportes

28/05/12 - 23h40 - atualizada em 29/05/12 às 00h03

Serrano vence após quatro jogos e respira na luta contra o descenso

Time de Prudentópolis venceu o Grêmio Maringá por 2 a 1, em jogo realizado no domingo, 27, no estádio Newton Agibert
Rodrigo Zub


Serrano voltou a vencer na divisão de acesso
O Serrano desencantou na divisão de acesso do Campeonato Paranaense. Após quatro jogos sem vitória o time de Prudentópolis, conseguiu enfim, um resultado positivo na competição. No domingo, 27, a equipe comandada por Carlos Nunes venceu o Grêmio Maringá por 2 a 1, atuando diante de seus torcedores no estádio Newton Agibert.

A vitória serviu para amenizar a crise que já tomava conta do clube, principalmente do treinador Carlos Nunes ameaçado no cargo. Em seu quinto jogo a frente do Serrano, o técnico conquistou seu primeiro triunfo. O resultado foi insuficiente para que os prudentopolitanos deixassem a zona de rebaixamento, mas colocou a equipe novamente na briga para escapar da zona de rebaixamento.

Com oito pontos, o Serrano ocupa a vice-lanterna com a mesma pontuação do Nacional, primeiro time fora da zona de descenso, que leva vantagem nos critérios de desempate. Porém, o time de Carlos Nunes está apenas dois pontos do 4º colocado, Cascavel.  Entre as duas equipes está justamente o Grêmio Maringá, que ocupa a 6ª posição, com nove pontos.

Na próxima rodada, a última do 1º turno, o Serrano terá uma árdua missão. O clube enfrenta o líder Paraná Clube, em Curitiba. O jogo acontece na quinta-feira, 31, às 19h30, no estádio Dorival de Britto e Silva, na Vila Capanema. 

{album}

O jogo

O primeiro tempo foi movimentado no estádio Newton Agibert. Jogando em casa, o Serrano foi pra cima em busca da vitória e criou boas oportunidades nos primeiros minutos de bola rolando. Aos 3 minutos, Canela chutou forte de fora da área para boa defesa de Leandro. Pouco depois, Fumaça também arriscou e mandou a direita do goleiro maringaense. A resposta dos visitantes foi rápida. Aos 7, Rogerinho quase surpreendeu Val, após uma cabeçada. O camisa 9 do Grêmio Maringá, desviou de cabeça um cruzamento de Assolan e acertou a trave do goleiro prudentopolitano.

O susto não tirou o ímpeto do Serrano que continuou tentando o gol em chutes de longa distância. Assim, Fumaça obrigou Leandro a fazer boa intervenção, aos 18 minutos. O Serrano teve mais posse de bola no 1º tempo, mas as melhores chances foram dos visitantes. Tanto que aos 25 minutos, Jean Barbieri, salvou uma finalização de Geovanne, em cima da linha.

Nos instantes finais da etapa inicial, Carreta e Everton ainda tiraram o grito de “uh” da torcida prudentopolitana. Everton só marcou o primeiro do Serrano, pois parou em Leandro, que espalmou para escanteio uma cobrança de falta, aos 41 minutos.

Gols, expulsões e muita emoção no 2º tempo

Lance do jogo- Com gols de Fumaça e Carreta, Serrano venceu Grêmio Maringá por 2 a 1
O segundo tempo continuou a mil por hora em Prudentópolis. Logo aos 30 segundos, Carreta chutou forte, mas Leandro novamente salvou o Grêmio Maringá. Três minutos depois, Assolan teve a chance para os visitantes, mas o meio-campista arrematou a esquerda de Val.

De tanto insistir e martelar o Serrano foi recompensado, aos 15 minutos. Carreta fez boa jogada individual e lançou Fumaça, que invadiu a área e tocou na saída de Leandro, para abrir o placar no estádio Newton Agibert. O Grêmio Maringá, não teve nem tempo de assimilar o gol sofrido. Sete minutos depois, Carreta marcou o segundo dos donos da casa.

A desvantagem no placar fez com que o time maringaense perdesse a cabeça. Aos 26 minutos, Rafael Silva foi expulso após cometer falta em Fumaça. Em desvantagem no placar e, em número de jogadores de campo, o Grêmio Maringá não se abateu e conseguiu surpreender. Eduardo descontou para os visitantes, aos 35 minutos. No entanto, a reação parou por aí. No final do jogo, o Grêmio Maringá ainda teve mais dois atletas expulsos. Desta forma, o time de Play de Freitas terminou a partida com apenas oito jogadores em campo.

Ficha Técnica:
Serrano 2x1 Grêmio Maringá
Local: Estádio Newton Agibert, em Prudentópolis
Árbitro: Marcos Vinicius Soares Martins
Assistentes: Everton Luis Caldas e Sidnei Eduardo Rodrigues
Cartões amarelos: Igor Pontes e Ito (Serrano); Cléo, Estevan, Rafael Silva, Assolan, Anderson e Bruno (Grêmio Maringá).
Cartões vermelhos: Rafael Silva, Paraíba e Cléo (Grêmio Maringá)
Público total: 132; Público Pagante: 174
Renda: R$ 1.420

Serrano: Val, Igor Pontes, Jean Barbari, Ito e Saymon; Henrique Cabeção, Rocha, Everton (Abimael) e Carreta; Canela e Fumaça (Wellivelton). Técnico: Carlos Nunes

Grêmio Maringá: Leandro, Cléo, Estevan, Rafael Silva e Paraiba; Assolan, Nei, Anderson (Sciani) e Rogerinho (Wudson); Carlos Eduardo e Giovanne (Bruno). Técnico: Play de Freitas

Comentários