Irati e Região / Notícias

22/05/18 - 11h15 - atualizada em 22/05/18 às 18h24

Protesto de caminhoneiros acontece também em Irati

Motoristas de van também aderiram à paralisação. Concentração está acontecendo na entrada da cidade

Da redação, com reportagem de Tadeu Stefaniak e informações do Portal G1

Fotos: Tadeu Stefaniak


Caminhoneiros de todo o Brasil iniciaram uma paralisação por conta dos altos preços dos combustíveis nesta segunda-feira, 21. Em todo o Paraná, foram registrados diversos pontos de paralisação nas rodovias federais. No entanto, por conta de uma determinação judicial, interdições totais nas estradas estão proibidas. Também não estão sendo permitidas ocupações nas praças de pedágio do Anel de Integração do estado, sob pena de multa de R$ 100 mil por hora de bloqueio de pista ou de R$ 20 mil por ocupação das praças de pedágio.

PUBLICIDADE

Na região, conforme informações da Polícia Rodoviária Federal, estão sendo registrados movimentos na BR 277, Km 340, em Guarapuava, e na BR 373, nos quilômetros 247, em Guamiranga, e 260, em Prudentópolis, e BR-476, nos quilômetros 278, em São Mateus do Sul, e 358, em União da Vitória. 

PUBLICIDADE

Em Irati, os caminhoneiros estão concentrados em pátios de estabelecimentos comerciais localizados às margens da Alameda Virgílio Moreira, trecho urbano da BR 153, proximidades do trevo de acesso a Imbituva e Curitiba. Vários caminhões de municípios da região estão parados no local. Motoristas de van também se juntaram ao movimento nesta terça-feira, 22. O motorista Valdecir, de Irati, pede o apoio de todos os motoristas à greve dos caminhoneiros. “Na realidade, está difícil para todos nós que utilizamos combustível todos os dias para transportar os alunos, estão insuportáveis os aumentos de combustíveis. Vamos fazer alguma coisa, vamos fazer a nossa parte”, solicitou. 

Carneiro, que é proprietário de van de Fernandes Pinheiro, reclama que os gastos com combustíveis para os veículos estão aumentando muito. “Pedimos a colaboração de todos os motoristas e proprietários de vans. Em Fernandes Pinheiro e Irati, são mais de 50 motoristas de vans e ônibus, então a gente pede que venham ajudar a nós e aos caminhoneiros, porque está pesando para todo mundo. Venham ajudar, pois precisamos da força de todos vocês. Venham junto com a gente para tentar mudar este negócio”, frisou. 

As pistas não foram interditadas. Josiane, proprietária de van de Irati, é a única mulher a participar do protesto. Ela ressalta que os motoristas de vans irão fazer o transporte dos alunos normalmente e depois retornam para o local do protesto. Sandro, motorista de uma empresa de transporte escolar, reclama que, se o reajuste do óleo diesel for repassado para os pais, a mensalidade do transporte terá um aumento de R$ 20. “Imagine que o salário mínimo às vezes sobe apenas R$ 50 por ano, então não tem como, estamos reivindicando um preço menor para todo mundo poder trabalhar. A situação está complicada e vamos ver o que podemos fazer”, ressaltou.  

Motoristas de van também se juntaram aos caminhoneiros na manifestação realizada em Irati

Confira abaixo os pontos onde ainda estão ocorrendo manifestações:

BR-116, quilômetro 67, Quatro Barras, na Região de Curitiba - em andamento; 

BR-277, quilômetro 6, Paranaguá, no litoral - em andamento;

BR-376, quilômetro 502, Ponta Grossa, nos Campos Gerais - em andamento;

BR-376, quilômetro 257, Califórnia, no norte - andamento;

BR-153, quilômetro 43, Santo Antônio da Platina, no norte pioneiro - em andamento;

BR-153, quilômetro 112, Ibaiti, no norte pioneiro - em andamento;

BR 373, quilômetro 247, Guamiranga, na região central - em andamento;

BR-373, quilômetro 264, Prudentópolis, na região central - em andamento;

BR-277, quilômetro 340, Guarapuava, na região central - em andamento;

BR-466, quilômetro 245, Guarapuava, na região central - em andamento;

BR-376, quilômetros 158, Mandaguaçu, no norte - em andamento;

BR-277, quilômetro 535, Ibema, no oeste - em andamento;

BR-376, quilômetro 292, Mauá da Serra, no norte - em andamento;

BR-376, quilômetro 109, Paranavaí, no noroeste - em andamento;

BR-376, quilômetro 140, Nova Esperança, no noroeste - em andamento;

BR-369, quilômetro 79, Santa Mariana, no norte - em andamento;

BR-277, quilômetro 117, Campo Largo, RMC - em andamento;

BR-373, quilômetro 478, Coronel Vivida, sudoeste - em andamento;

BR-153, quilômetro 330, Irati, na região central - em andamento;

BR-476, quilômetro 358, União da Vitória, no sul - em andamento;

BR-369, quilômetro 73, Santa Mariana, no norte - em andamento.

PUBLICIDADE

Autor de tiros é preso durante manifestação 

Um homem foi preso após efetuar disparos de arma de fogo durante uma manifestação de caminhoneiros na BR-153, em Irati. A ocorrência foi registrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na noite de segunda-feira, 21.  

Os policiais realizavam ronda no local da manifestação, no km 330 da rodovia, quando algumas pessoas afirmaram que o condutor de um veículo Audi passou pelo local e disparou três tiros. A equipe abordou o carro e encontrou um revólver calibre 38 com três munições deflagradas. 

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o condutor, de 51 anos, que reside em Irati, realizou o teste do bafômetro, que apontou resultado de 0,51 mg/l de álcool por litro de ar alveolar. O motorista foi conduzido até a Delegacia de Irati para ser lavrada a prisão em flagrante. 

Petrobras anuncia redução nos preços da gasolina e do óleo diesel

Após sucessivos reajustes, a Petrobras anunciou nesta segunda-feira, 21, em sua página oficial, que irá reduzir os preços da gasolina e do óleo diesel nas refinarias. Conforme informações publicadas pelo Portal G1, a gasolina terá uma redução de 2,08% e o óleo diesel de 1,54%. Na prática, o preço da gasolina deve cair de R$ 2,08 para R$ 2,04 o litro nas refinarias. Já o óleo diesel, que custa R$2,37, deve ter o preço reduzido para R$2,33 nas refinarias. Os novos preços devem ser aplicados já nesta quarta-feira, 23. 

Comentários

Enquete

Feriado N. S. Graças 27 de novembro em Irati

  • Não concordo
  • Concordo
Resultados